200 famílias de agricultores recebem sementes de feijão e milho em Floresta Azul

A Secretaria Municipal de Agricultura de Floresta Azul, em parceria com o Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável, conseguiu junto à Secretaria da Agricultura da Bahia (Seagri) e a Superintendência da Agricultura Familiar (SUAF), oitocentos quilos de sementes (400 quilos de feijão e 400 de milho) para serem distribuídas entre 200 famílias de agricultores da zona rural.

feijão
feijão

A distribuição das sementes para as associações aconteceu na quarta-feira, 06, no período da manhã, na sede da Secretaria Municipal de Agricultura, situada à Avenida 26 de Abril, no centro da cidade de Floresta Azul e foi realizada pelo Secretário Municipal de Agricultura, Valter Alcântara, a secretária Luciana Pádua e o presidente do CMDS e da Associação APPMDSAT, de Coquinhos, Milton Carvalho. A ação faz parte do Programa de Distribuição de Sementes - Safra Inverno 2015 - do Governo Estadual e beneficia diretamente municípios do Litoral Sul.

milho
milho

As associações contempladas são: Associação dos Pequenos Produtores e Moradores do Distrito de Santa Terezinha (APPMDSAT); Associação dos Agricultores Familiares do Ribeirão do Limoeiro (AAFRL); Associação dos Pequenos Produtores do Vale do Limoeiro (APPVL); Associação dos Produtores e Pescadores de Floresta azul (APPFA); Sindicato dos Trabalhadores e Secretaria de Agricultura.

sementes1
sementes

"As sementes serão entregues aos produtores através das associações, até como forma de poupar a vinda desses agricultores ate a cidade. Essas famílias têm muito que fazer em suas propriedades e não é justo tirar uma manhã de trabalho deles. Faremos as entregas e anotaremos o que for necessário", disse o Secretário de Agricultura, Valter Alcântara.

Infraestrutura recupera ruas no bairro Teta Matos em Floresta Azul

Texto e fotos: Ascom Floresta Azul

A prefeitura de Floresta Azul, através da gerência de Infraestrutura, está recuperando algumas ruas do bairro Teta Matos. Os trechos finais das ruas José Veríssimo de Souza, São Pedro e São José receberam a visita de parte da equipe de Infraestrutura que patrolaram e jogaram cascalhos nas áreas mais danificadas. Foi feito também a limpeza dos dois lados do canal que corta o bairro.

aterro-b


De acordo com o gerente de Infraestrutura, Antonio Carlos, a Infraestrutura é chamada com frequência para pequenos reparos no bairro. "Nosso sonho é calçar o Teta Matos, mas sabemos que é difícil. A prefeita Dra. Sandra tem tentando de todas as formas recursos para beneficiar essas ruas. Enquanto não acontece, nós vamos atendendo a população local com pequenas melhorias" disse Antonio Carlos.

aterro-c


Calçar esse bairro é um sonho antigo que a prefeita Dra. Sandra Cardoso não esconde de ninguém. Desde que assumiu o executivo municipal a prefeita tem tentando de todas as formas convênios para calçar o Teta Matos. "Tenho pedido incessantemente onde chego, através dos meus deputados, e quando vou à Brasília coloco esse bairro sempre como prioridade. O maior problema é não fazer parte da base aliada do governo. Infelizmente pesa muito se manter fiel às minhas ideologias políticas. Floresta Azul é sempre a última cidade da região a ser beneficiada com alguma coisa", disse a prefeita.

Biblioteca Pública Municipal de Floresta Azul atende mais de 600 alunos por mês

Em pleno século 21, com a internet como fonte de pesquisa e as mídias sociais presentes no dia a dia de boa parte da população jovem mundial, a Biblioteca Pública Municipal Professora Dinalva Nunes de Oliveira, situada no complexo do Colégio Educacional de Floresta Azul (CEFA), se mantém viva e recebe diariamente, nós três turnos, uma média de 30 alunos das escolas públicas e particulares de Floresta Azul, ou turmas inteiras de sala de aula para pesquisar, além do cidadão florestense. A biblioteca funciona de segunda a sexta-feira, das 08:00 às 11:40h; das 13:00 às 16:45h, e a noite das 19:00 às 22:00h.

biblioteca-b
A administradora da biblioteca, Clébia Rosana Santos Matos, fala com orgulho de manter vivo o hábito da pesquisa e leitura no livros impressos (já que com a internet surgiram os livros virtuais), além da importância de ter uma biblioteca como referência e ponto de encontro dos alunos, que pesquisam e interagem no processo de aprendizagem. Clébia disse que o professor tem papel importante nesse processo, quando pede ao aluno que procure a biblioteca. A administradora costuma lembrar que o sucesso dessa biblioteca, que existe desde 2010, precisa ser creditado ao professor local, à sua equipe, composta por Rosivaldo Tomé Santos, Jondson Salustriano Santana, Flaviana Palmeira Cabral e Antônia Adma Guimarães Santana, e em especial a atual gestão municipal.

biblioteca-c

Biblioteca Pública Municipal

Clébia lembra que a biblioteca é de todos e dispõe de diversos serviços para a população, entre eles, o empréstimo de livros durante a semana nos períodos matutino, vespertino e noturno. Para ter acesso aos livros é preciso fazer um cadastro para receber a carteirinha da biblioteca, que conta ainda com atividades permanentes como o Cine-Vídeo, Hora do Conto Histórias, Brinquedoteca, Projeto Reforço Escolar, Palestras Educativas, Recreio Literário, entre outras atividades educativas.

biblioteca-d

 

biblioteca-e

Dra. Sandra foi uma das homenageadas pela UPB no Dia Internacional da Mulher

Texto: Ascom Floresta Azul - Fotos: UPB

"Abolir barreiras que impeçam as mulheres de ocupar espaços na sociedade". Esta é a bandeira defendida pelas 61 prefeitas da Bahia, e foi o tema central de um almoço promovido pela União dos Municípios da Bahia (UPB), ontem, 7 de março, na Churrascaria Fogo de Chão, em Salvador, para comemorar o Dia Internacional da Mulher, que é comemorado hoje, 8 de março, em todo o mundo. Na Bahia, dos 417 municípios, 61 são comandados por mulheres, número que representa aproximadamente 14% dos municípios baianos. Floresta Azul tem o privilégio de fazer parte desse seleto grupo de 'guerreiras' que verdadeiramente estão à frente do seu tempo e quebraram o paradigma de um Brasil e um Nordeste com costumes e tradições extremamente machistas, onde a política sempre foi vista e direcionada aos homens. A Dra. Sandra Cardoso, prefeita de Floresta Azul, participou do almoço e foi uma das homenageadas.

sandra-upb


Filha do saudoso prefeito Raimundo Cardoso, Sandra adquiriu do pai o tino pela boa política, e mesmo não tendo o 'cacoete' e a tradicional maneira de politicar e governar, implantou em Floresta Azul uma nova forma de administrar, deixando os vícios das últimas administrações de lado e governando com seriedade, transparência e bom uso do dinheiro público, trabalhando sempre pelo coletivo, onde quem ganha sempre é a cidade. A Dra. Sandra Cardoso representa uma mudança cultural que ocorre em consonância com os anseios de uma sociedade mais igualitária, onde a mulher tem participação ativa na elaboração das políticas públicas do seu município.

"Nossas conquistas são grandiosas para o século 21, mas minúsculas se comparadas com as conquistas do homem, na história da política nacional. A mulher começa a mostrar o seu valor. Hoje temos uma mulher no comando do nossa país; apenas uma governadora (em Roraima); em torno de 40 deputadas federais, das quais três são baianas, e sete deputadas estaduais, além da nossa querida Maria Quitéria, que se tornou a primeira presidente mulher da UPB, fazendo um excelente mandato e conseguindo a reeleição. Os números mostram que precisamos avançar muito, mas acredito que estamos no caminho certo. Estamos mostrando o nosso valor, e podemos, sim, contribuir de forma igual na construção de um Brasil cada vez melhor", disse Dra. Sandra Cardoso, prefeita de Floresta Azul.

Prefeita Sandra Cardoso presente na primeira sessão ordinária da Câmara de Vereadores

Texto e fotos: Ascom Floresta Azul

Apesar da eleição da nova mesa diretora ter acontecido em maio de 2014, tendo Gutemberg Cardoso Marciel (Guga) como novo presidente; Márcio Soares de Souza (Márcio de Congá), vice-presidente; Joesdras Nascimento Cardoso (Jorginho da Saúde), 1º Secretário e Pedro Álvares Pereira (Pedro da Sulba), 2º Secretário, a nova mesa só iniciou os trabalhos para o biênio 2015-16 na noite da última segunda-feira, 2 de março.

ver


A eleição na época foi antecipada seguindo a Lei Orgânica Municipal, Seção IV, Artº. 35, que permite antecipar a eleição no Legislativo Municipal para o segundo biênio pelo atual presidente e aprovação da maioria dos membros da Câmara.


A sessão ordinária contou com a presença de 7 dos 9 vereadores (a vereadora Irá e o vereador e vice-presidente da casa, Márcio Soares, não puderam se fazer presentes), além da prefeita de Floresta Azul Dra. Sandra Cardoso; a secretária de Assistência Social Eliana Alcântara; o secretário de Agricultura Valter Rubens Alcântara; o gerente de Infraestrutura Plínio Oliveira; o gerente de Esportes Valdemar Sodré; o administrador do distrito de Coquinhos Pedro Alberto; Alberto Carvalho, representando a Ceplac; o Capitão da PM Edmundo e o Tenente Mendes.


A prefeita Dra. Sandra lembrou que apesar da crise que se alastra por todo o Brasil, atingindo principalmente os municípios pequenos, a esperança é de um 2015 melhor e que o legislativo municipal possa andar junto ao executivo, buscando sempre o melhor para Floresta Azul. Dra. Sandra lembrou que o momento é de união e que espera que todos se unam pelo bem da cidade. A prefeita não pode deixar de lembrar das inúmeras dificuldades que o município vem passando com os constantes sequestros para pagamentos de precatórios e lembrou que uma cidade que vive em função do FPM não pode disponibilizar 10% de todo o recurso para pagamento de dívidas de outras administrações. Dra. Sandra falou com tristeza na dispensa de quase 100 contratados para equilibrar as contas e finalizou lembrando do aumento de 13% no salários dos professores, valor esse que não é repassado para o município. "Hoje, o que arrecadamos mal dá para pagar salários e as contas. A cada dia que passa fica mais difícil administrar pois nossa despesa é sempre maior que a receita", disse a prefeita.