Prefeito Claudevane Leite quer trazer policlínica do consórcio de saúde para Itabuna

O prefeito Claudevane Leite informou nesta quarta-feira, ao presidente da Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano (AMURC), Lenildo Santana, que vai lutar para que seja construída em Itabuna uma das 28 policlínicas que serão implantadas pelo Governo da Bahia, através dos consórcios regionais de saúde em municípios polos no estado. O assunto voltará a ser discutido por prefeitos do Sul da Bahia na próxima sexta-feira, 17, na sede da entidade municipalista em Itabuna.

Prefeito de Itabuna Claudevane Leite recebeu em audiência o presidente da AMURC Lenildo Santana - Wilson Oliveira 3
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite recebeu em audiência o presidente da AMURC Lenildo Santana 

Durante encontro com o presidente da AMURC e prefeito de Ibicaraí, Lenildo Santana, hoje, em seu gabinete, Vane apresentou os fatores que justificam a instalação da sede da policlínica especializada em Itabuna. O prefeito citou, por exemplo, a localização geográfica e acesso facilitado por duas das principais rodovias federais, essenciais ao deslocamento de pacientes de outros municípios que integram o Litoral Sul.

O prefeito destacou ainda que Itabuna é polo regional em saúde e que a unidade poderá ser instalada em um imóvel do próprio estado na Avenida José Soares Pinheiro. Vane observou que "a policlínica vai ajudar a melhorar muito o atendimento na área de saúde, com a oferta de pelo menos 13 especialidades e 32 serviços e equipamentos modernos para a realização de exames".

Já o presidente da AMURC, Lenildo Santana, afirmou ser importante que os municípios estejam unidos e mobilizados para que os serviços avançados de saúde cheguem ao sul da Bahia. Ele disse ainda que na maioria dos municípios as demandas na área de saúde só poderão ser resolvidas por meio de consórcios públicos. "Temos que chegar logo a um entendimento com todos os municípios para que estejamos entre as primeiras regiões contempladas com uma unidade da policlínica", explicou.

Lenildo disse ainda ser a meta do Governo do Estado construir as 10 primeiras policlínicas especializadas até o próximo ano enquanto as demais ficarão prontas nos anos seguintes. Cada unidade terá investimento de até R$ 12 milhões na construção e aquisição de equipamentos. Para manutenção está prevista a destinação de R$ 700 mil mensais, com contrapartida dos municípios integrantes dos consórcios de saúde. De acordo com a Secretaria de Saúde da Bahia – Sesab dentre as vantagens para os municípios estão à redução de custos operacionais com transporte de pacientes, captação de recursos públicos e ganho de escala na aquisição de medicamentos.
_________________
Prefeitura de Itabuna
Secretaria Municipal de Comunicação

Fonte: http://prefeituradeitabuna.com.br/2015/