Sobre a AMURC

Sobre a AMURC

 Histórico da Amurc

IMG_2133_g.jpg

Idealizada com o objetivo inicial de representar os municípios produtores de cacau da região Sul da Bahia, visando defender seus interesses diante do Estado e da União, a Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste Baiano (Amurc) foi criada em 21 de novembro de 1984, pelo ex-prefeito de Itabuna, Ubaldo Dantas, o ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, com a participação da ex-prefeita de Itajuípe, Gilka Badaró, primeira mulher a presidir a entidade, que vem se consolidando na busca pelo fortalecimento do municipalismo e do desenvolvimento regional.

A Amurc surgiu no apogeu do cacau para representar os municípios que detinham a segunda maior economia do Estado e sempre funcionou como um instrumento comum dos gestores municipais, sendo porta-voz dos seus associados na busca pelos interesses da população. O espaço da associação é aberto, ainda as organizações da sociedade civil para debates de interesses em consonância com o objetivo de traçar estratégias na busca de soluções dos principais problemas regionais.

Nesse contexto, a instituição coleciona uma série de ações visando o desenvolvimento socioeconômico, cultural, administrativo e político a partir da realização de eventos institucionais, com a participação dos servidores públicos, além da execução de projetos e parcerias que vislumbram a união dos municípios. A Amurc possui sede própria na rua Almirante Tamandaré, nº 405, em Itabuna e suas atuações estão disponíveis no site da instituição (www.amurc.com).

          A frente do mandato (2019-2020), o prefeito de Firmino Alves, Aurelino Moreno da Cunha Neto tem buscado juntamente com os prefeitos, fortalecer as discussões em torno dos investimentos macro, como o Complexo Intermodal, a Universidade Federal do Sul da Bahia e no âmbito local, a capacitação dos servidores municipais em linhas técnicas e o entrosamento entre os prefeitos visando a captação de recursos para os municípios.

Nós últimos anos, a Associação tem dado continuidade ao Programa de Apoio Gerencial Institucional às Prefeituras da Região Litoral Sul (AGIR-LS) em parceria com a Pró-reitoria de Extensão da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Estão em funcionamento os fóruns de secretários e técnicos municipais de Administração, Saúde, Assistentes Sociais, Educação, Cultura, Agricultura e Procuradores, com o objetivo de promover a formação e atualização dos funcionários públicos, bem como buscar a solução para as demandas municipais.

A Amurc tem participação na criação do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável – Território Litoral Sul, com o objetivo de potencializar a resolução dos problemas em comuns na região, através da captação e otimização dos recursos financeiros para os municípios. Já em funcionamento, o CDS-LS está sendo supervisionado pela Secretaria de Planejamento do Estado da Bahia – Seplan, com o desenvolvimento de projetos nas áreas de saneamento básico e resíduos sólidos, fiscalização ambiental e regularização fundiária.

Como projeção, a Amurc pretende construir e formar um corpo técnico, capaz de atender as demandas dos municípios, de forma a construir a sustentabilidade municipal dentro do conceito da Estratégia e do Planejamento Público Municipal. A instituição continuará atenta às oportunidades, provocando os entes federativos, na construção de propostas e soluções, visando a união e a força dos municípios para a edificação estruturante de obras e serviços que atendam aos interesses da comunidade.

  • Lutas Nacionais

No Contexto Nacional, a Amurc, juntamente com a CNM, UPB, parlamentares e prefeitos da região tem lutado pela nova distribuição dos Royalties de Petróleo entre os municípios brasileiros. Dentre outras defesas, a Associação vem lutando pela aprovação do novo Pacto Federativo, as reformas tributárias e política e a luta pela aprovação do “Encontro de Contas” da previdência com os Estados e Municípios.

Para o presidente da Amurc, a conquista de recursos e atendimento a alguns pleitos emergenciais é resultado de uma intensa mobilização organizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) em parceria com as demais entidades representativas. Diante do quadro de dificuldades que todos os municípios estão passando, ele destaca a importância de “trabalhar de forma conjunta, em parceira, pois somente assim conseguimos avançar diante das propostas que são apresentadas”, destacou.

Ex-presidentes

O ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro foi o fundador da Amurc e dirigiu a entidade em dois momentos (1984 - 85); O ex-prefeito Ubaldo Dantas, um dos idealizadores da criação da instituição, atuou como presidente (1987 - 88); Depois vieram, Antônio Firmo Leal (1989 - 90), de Barra do Rocha; Armando Uzêda (1993 - 94) de Ubaitaba;

Gilka Badaró, de Itajuípe, primeira mulher a presidir a entidade (1995 - 96); Fernando Gomes (1997 – 98 e 1999 - 2002) de Itabuna; José Carlos Farias (presidente por três meses – 26.06 a 25.10.2002) de Gandu; Pedro Jackson Brandão (2005 - 2006) de Itapé; Débora Borges (01.08 a 30.10.2006) de Camacã; Orlando Filho (2007 - 2008) de Buerarema; Moacyr Leite (2009 - 2010) de Uruçuca, Cláudio Dourado (2011 - 2012) de Ibicuí (2015 – 2016), o prefeito de Ibicaraí, Lenildo Alves Santana; Antônio de Anízio (2017 - 2018) de Itacaré; Aurelino Cunha (2019-2020).

 

AMURC
Associação dos Municípios do Sul, Extremo Sul e Sudoeste da Bahia

(73) 3613-5114
Rua Almirante Tamandaré, 405 - Duque de Caxias
Itabuna - BA, 45600-741 

© Copyright 2018 AMURC  | Todos os direitos reservados

Desenvolvido por: logo oxente n