Itabuna busca recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação para projeto de segurança

Em reunião na semana passada, em Brasília, o vice-prefeito e secretário de Planejamento e Tecnologia, Wenceslau Júnior, apresentou ao ministro Aldo Rebelo o projeto Itabuna Cidade Segura, que visa auxiliar as ações dos órgãos de segurança pública, com a implantação de 500 câmaras de vídeo-monitoramento distribuídas pelo centro, áreas comerciais e nas entradas da cidade, além da ampliação dos pontos públicos e de órgãos e setores atendidos pelo programa Cidade Digital, cuja inauguração aconteceu no mês passado com a presença do ministro das Comunicações Ricardo Berzoini.

O secretário Wenceslau Júnior acompanhado do deputado federal Davidson Magalhães e representantes da Uesc e Uesb foi recebido pelo ministro Aldo Rebelo - Foto Divulgação 2
O secretário Wenceslau Júnior acompanhado do deputado federal Davidson Magalhães erepresentantes da Uesc e Uesb foi recebido pelo ministro Aldo Rebelo

De acordo com o projeto, os equipamentos deverão ser instalados ainda no Centro Comercial, em áreas comerciais de bairros como São Caetano, Santo Antônio, Conceição, Fátima, Califórnia e Mangabinha, além de pontos com maiores índices de criminalidade. Também prevê a implantação de 100 km de fibra óticas para expansão do programa Cidade Digital e a construção de um data-center e de uma central de operações para ações conjuntas das polícias Militar e Civil, Guarda Civil Municipal, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil.

Segundo Wenceslau Júnior, o projeto recebeu o apoio do deputado federal Davidson Magalhães (PCdoB), que vai acompanhar a sua tramitação e fazer gestões pela liberação dos recursos, já que o Itabuna Cidade Segura foi bem avaliado pelo ministro Aldo Rebelo, que o encaminhou para análise pela Secretaria Executiva. "Se aprovado, o projeto vai facilitar as ações das instituições que atuam na área de segurança pública e será um forte aliado no combate à criminalidade. Teremos imagens de todos os quatro cantos da cidade e das vias de acesso", afirmou o secretário.

Ele destacou ainda que essas medidas vão complementar as ações desenvolvidas atualmente através do programa Crack é Possível Vencer, que está sendo executado pelo município em parceria com o Governo Federal, que disponibilizou um ônibus de vídeo monitoramento, duas viaturas e duas motos, além de um pacote de armamento de tecnologias não letais. O ônibus é equipado com monitores de LED e antena de alta frequência que consegue captar imagens de 39 câmaras espalhadas por áreas identificadas como de maior de consumo de drogas.
___________________
Prefeitura de Itabuna
Secretaria Municipal de Comunicação

Fonte:http://prefeituradeitabuna.com.br/2015/